Design methodologies for the development of assistive technology: A systematic literature review

Authors

  • Allisson José Fernandes de Andrade
  • Ana Carolina Generoso De Aquino
  • Luis Carlos Paschoarelli
  • Fausto Orsi Medola

DOI:

https://doi.org/10.29147/datjournal.v6i4.503

Keywords:

Product Design, People with Disabilities, User-Centered Design, Inclusive Design, Ergonomics

Abstract

About 8.4% of the Brazilian population has some type of disability, which makes these individuals difficult to perform activities of daily living. Assistive Technology is an alternative that aims to promote, through artifacts and services, better quality of life and independence for Persons with Disabilities. This study aims to carry out a Systematic Literature Review (SLR) that addresses the development of design methodologies focusing on the generation of Assistive Technology and its contributions to users. The selected articles indicate that there is little – or no – concern on the part of designers to insert the user throughout the product development process. The content of the studies made it possible to obtain an overview of the methodologies developed so far, their common points, their singularities, and opportunities for future action.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biographies

Allisson José Fernandes de Andrade

Professor do Magistério Superior - Substituto no departamento de Design e Expressão Gráfica da Universidade Federal do Amazonas (UFAM). Doutorando em Desenho Industrial com ênfase em Ergonomia pelo programa de Pós-Graduação em Design da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (UNESP). Mestre em Design com ênfase em Gestão pelo programa de Pós-Graduação em Design da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Bacharel em Design pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Atualmente é membro do Laboratório de Ergonomia e Interfaces - LEI (UNESP) e Professor Bolsista na mesma instituição.

Ana Carolina Generoso De Aquino

Doutoranda em Design pela Universidade Estadual Paulista - Bauru. Mestre em Design pelo Programa de Pós-Graduação em Design na Universidade Federal do Maranhão - PPGDG/UFMA. Bacharel em Design pela Universidade Federal do Maranhão (2017). Possui experiência na área de Design Gráfico, Identidade Visual, com conhecimento de Softwares de Edição, como Adobe Photoshop CS e Adobe Illustrator CS. Foi bolsista CNPQ por dois anos (julho 2014/julho 2016) pelo LABCOM/ UFMA - Laboratório de Convergência de Mídias, desenvolvendo trabalhos no Projeto Semente Digital. Atualmente desenvolve trabalhos voltados para a área de jogos e linguagem visual.

Luis Carlos Paschoarelli

Professor Titular no Departamento de Design da UNESP (2017); Livre-Docente em Design Ergonômico pela UNESP (2009); possui Pós-doutorado em Ergonomia (2008) pela ULISBOA; Doutorado em Engenharia de Produção (2003) pela UFSCar; Mestrado em Projeto, Arte e Sociedade - Desenho Industrial (1997) e graduação em Desenho Industrial (1994) pela UNESP. É co-lider no Grupo de Pesquisa Design Ergonômico: Projeto e Interfaces onde coordena os projetos de pesquisa: Design Ergonômico: avaliação e intervenção ergonômica no projeto, Design Ergonômico: metodologias para a avaliação de instrumentos manuais na interface homem X tecnologia e Contribuições do Design Ergonômico.

Fausto Orsi Medola

Professor do Departamento de Design e Programa de Pós-graduação em Design - FAAC/ UNESP, campus Bauru. Mestre e Doutor em Ciências pelo Programa de Pós-graduação Interunidades Bioengenharia - EESC/FMRP/IQSC - USP, com estágio de doutorado sanduíche na Georgia Institute of Technology, Atlanta, EUA. Possui graduação em Fisioterapia pela Universidade Estadual de Londrina. É líder do Grupo de Pesquisa Design e Tecnologia Assistiva, e realiza pesquisas na área de Desenho Industrial, Design de Produto e Ergonomia, atuando principalmente nos temas: Tecnologia Assistiva, Ergonomia, Biomecânica, Cadeira de Rodas, Engenharia de de Reabilitação, Acessibilidade e Design Inclusivo.

References

ANDRADE, Allisson José Fernandes et al. Design Centrado no Usuário: Uso do User-Capacity Toolkit na obtenção de dados de sujeito com Artrite Reumatoide. DAT Journal, v. 5, n. 3, p. 215-234, 2020.

ANDREWS, Kenneth R. The concept of corporate strategy. Resources, firms, and strategies: a reader in the resource-based perspective, v. 1, 1971.

ARAÚJO, Jéssica et al. O design centrado no usuário e a usabilidade: uma proposta de aplicativo para celular. In: CONGRESSO INTERNACIONAL DE ERGONOMIA E USABILIDADE DE INTERFACES HUMANO COMPUTADOR – USIHC, 16°, 2017. Florianópolis. Anais... Florianópolis, SC: Universidade Federal de Santa Catarina, 2017. s.p.

ARIZI, Isabela Victória Fontes; SALES, Weslley Barbosa; TOMAZ, Renata Ramos. Avaliação da destreza, coordenação motora e impacto na qualidade de vida em paciente utilizando tecnologia assistiva: um estudo de caso. Research, Society and Development, v. 9, n. 6, p. e104963470-e104963470, 2020. Arrighi, Pierre-Antoine et al. A mixed reality system for kansei-based co-design of highly-customized products. Journal of Integrated Design and Process Science, v. 20, n. 2, p. 47-60, 2016.

BERSCH, Rita. Introdução à tecnologia assistiva. Porto Alegre: CEDI, v. 21, 2017. Disponível em: <https://www.assistiva.com.br/Introducao_Tecnologia _Assistiva.pdf>. Acesso em: 16 jun. 2020.

BLANCO, Teresa et al. Xassess: crossdisciplinary framework in user-centred design of assistive products. Journal of Engineering Design, v. 27, n. 9, p. 636-664, 2016.

BONFIM, Gabriel Henrique Cruz. A influência da forma e da cor sobre os aspectos perceptivos da usabilidade e interação biomecânica em embalagens de água mineral 2019. 219 f. Tese (Doutorado) - Curso de Design, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, Bauru, 2019. Disponível em: <https://www.repository.utl.pt/ handle/10400.5/21190>. Acesso em: 08 jul. 2021.

GANANÇA, Adriana da Silva et al. Assento adaptável para portadores de paralisia cerebral e seqüela de escoliose: estudo de caso aplicando design ergonômico. Fisioterapia em Movimento, v. 21, n. 4, 2017.

DEMERS, L., MONETTE, M., DESCENT, M., JUTAI, J., WOLFSON C. (2002) The Psychosocial Impact of Assistive Devices Scale (PIADS): Translation and preliminary psychometric evaluation of a Canadian–French version. Quality of Life Research. September 2002, Volume 11, Issue 6, 583–592.

DEMERS L, WEISS-LAMBROU R, et al. (2003). Item analysis of the Quebec User Evaluation of Satisfaction with assistive Technology (QUEST). Amsterdam: IOS Press, 2003.

FARRIS, Ryan J.; QUINTERO, Hugo A.; GOLDFARB, Michael. Preliminary evaluation of a powered lower limb orthosis to aid walking in paraplegic individuals. IEEE Transactions on Neural Systems and Rehabilitation Engineering, v. 19, n. 6, p. 652-659, 2011.

FEDERICI, S.; SCHERER, M. J. Assistive Technology Assessment Handbook. Florida: CRC Press, 2012.

Metodologias projetuais para o desenvolvimento de tecnologia assistiva: uma revisão bibliográfica sistemática FRANCISCO, Vincent et al. Overview of rural health. 2012. Disponível em: .

GARCEZ, Letícia Vasconcelos Morais; RODRIGUES, Ana Cláudia Tavares; MEDOLA, Fausto Orsi. O Uso de Metodologias Centradas no Usuário como Alternativa para Reduzir o Abandono de Tecnologia Assistiva, p. 1306-1317. In: Anais do Colóquio Internacional de Design 2020. São Paulo: Blucher, 2020.

Gherardini, Francesco et al. A co-design method for the additive manufacturing of customised assistive devices for hand pathologies. Journal of Integrated Design and Process Science, v. 22, n. 1, p. 21-37, 2018.

IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Pesquisa Nacional de Saúde: 2019: ciclos de vida : Brasil / IBGE.Rio de Janeiro: IBGE, 2021.139p. Disponível em: https://biblioteca. ibge.gov.br/visualizacao /livros/liv101846.pdf>. Acesso em: 22 de out. de 2021.

LEITE, Flávia Piva Almeida; GARCIA, Gustavo Filipe Barbosa. Inclusão da pessoa com deficiência no mercado de trabalho na sociedade da informação: cotas nas empresas e proteção contra a dispensa. Revista de Direito Brasileira, [S.L.], V. 17, N. 7, P.245-260, 1

AGO. 2017. Conselho Nacional de Pesquisa e Pós-graduação em Direito - CONPEDI.

LIBERATI, Alessandro et al. The PRISMA statement for reporting systematic reviews and meta-analyses of studies that evaluate health care interventions: explanation and elaboration. Journal of clinical epidemiology, v. 62, n. 10, p. e1-e34, 2009.

MAIA, A.; SPINILLO, C. G. Como os daltônicos percebem as representações gráficas de mapas: um estudo de caso dos códigos de cores utilizados nos diagramas e estação-tubo do transporte público de Curitiba. Design e Tecnologia, v. 3, n. 05, p. 15-23, 1 ago. 2013.

MARTIN, Jennifer L. et al. Medical device development: The challenge for ergonomics. Applied ergonomics, v. 39, n. 3, p. 271-283, 2008.

MOHER, David et al. Reprint—preferred reporting items for systematic reviews and meta-analyses:

the PRISMA statement. Physical therapy, v. 89, n. 9, p. 873-880, 2009.

MOHER, D. et al. Preferred Reporting Items for Systematic Reviews and Meta-Analyses: The PRISMA Statement. Epidemiol Serv Saúde.[Internet]. 2015 Apr-Jun; 24 (2): 335-42.

NICOLLE, C. A. USERfit-Design for all methods and tools. 1999.

PAGNAN, Andréia Salvan; SIMPLÍCIO, Giovana Costa; SANTOS, Valéria Carvalho. Design centrado no usuário e seus princípios éticos norteadores no ensino do design. Estudos em Design, v. 27, n. 1, 2019.

ROZENFELD, H. et al. Gestão de Desenvolvimento de Produtos: Uma Referência para a Melhoria do Processo, edited by Saraiva. São Paulo, SP, Brazil, 2006.

SANTOS, A. V. F.; SILVEIRA, Z. C. AT-d8sign: Methodology to support development of assistive devices focused on user-centered design and 3D technologies. Journal of the Brazilian Society of Mechanical Sciences and Engineering, v. 42, n. 5, p. 1-15, 2020.

SANTOS, Cristina Mamédio da Costa; PIMENTA, Cibele Andrucioli de Mattos; NOBRE, Moacyr Roberto Cuce. A estratégia PICO para a construção da pergunta de pesquisa e busca de evidências. Revista Latino-Americana de Enfermagem, v. 15, p. 508-511, 2007.

SCHÜTTE*, Simon TW et al. Concepts, methods and tools in Kansei engineering. Theoretical

Issues in Ergonomics Science, v. 5, n. 3, p. 214-231, 2004.

WEIHRICH, Heinz. The TOWS matrix—A tool for situational analysis. Long range planning,

v. 15, n. 2, p. 54-66, 1982.

WHO – World Health Organization. How to use the ICF: a practical manual for using the

International Classification of Functioning, Disability and Health (ICF) [Internet]. Geneva: WHO; 2013 [citado 11 Jun 2020]. Disponível em: https://www.who.int/ classifications/drafticfpracticalmanual2.pdf?ua=1 WHO – World Health Organization. Opening the GATE for Assistive Health Technology: Shifting the paradigm WHO, 2016. Disponível em:http://www.who.int/phi/implementation/assistive_technology/concept_note.pdf?ua=1. Acesso em: 20 jun. 2020.

WICK, Carla Feder et al. Requisitos para projetos de computação vestível para crianças autistas com base no Design Centrado no Humano. Human Factors in Design, v. 9, n. 17, p. 122-136, 2020.

WU, Fong-Gong; MA, Min-Yuan; CHANG, Ro-Han. A new user-centered design approach: A hair washing assistive device design for users with shoulder mobility restriction. Applied Ergonomics, v. 40, n. 5, p. 878-886, 2009.

YANAGISAWA, Hideyoshi; FUKUDA, Shuichi. Development of Interactive Industrial Design Support System Considering Customer’s Evaluation (Shape Design of Eyeglass Frame). JSME International Journal Series C Mechanical Systems, Machine Elements and Manufacturing, v. 47, n. 2, p. 762-769, 2004.

YIN, Robert K. Estudo de caso: planejamento e métodos. Porto Alegre: Bookmam, 2010.

Published

2021-12-21

How to Cite

Andrade, A. J. F. de, Aquino, A. C. G. D., Paschoarelli, L. C., & Medola, F. O. (2021). Design methodologies for the development of assistive technology: A systematic literature review. DAT Journal, 6(4), 236–254. https://doi.org/10.29147/datjournal.v6i4.503